Teatro na Garagem

Padrão

A história do teatro na garagem

Anette Naiman é carioca, judia e, desde sempre, atriz. Aos 9 anos, ficou órfã de mãe e, aos 16, se mudou para São Paulo. Após perder o pai, pianista,mudou-se para Israel a trabalho e recomeçou a vida. Morou em um Kibutz, foi tradutora, faxineira, garçonete. Adulta, voltou ao Brasil, conheceu seu marido, casou-se e teve seu primeiro filho.

Em 2000, grávida do segundo filho, Anette resolveu construir, acima da garagem, uma sala de bagunça para as crianças. Iniciada a reforma, o engenheiro percebeu que, na frente desta sala, seria necessário um degrau por causa do portão, localizado logo abaixo. A atriz concordou. “Concluída a obra, percebi que aquele degrau poderia se transformar no meu palco e que aquela sala, grande e escura, poderia ser meu ambiente de trabalho, o meu teatro”, conta.

Quatro anos mais tarde, ela estava encenando Lygia Fagundes Telles na sua própria casa. Surgia o teatro na garagem, o teatro-secreto, a caixa-preta de Anette, com capacidade de receber até 30 espectadores.

Mãe-atriz, pai-bilheteiro e filhos-contra-regras

Ter um teatro dentro de casa acabou aproximando toda a família do mundo das artes. Nos ensaios, os filhos começaram a palpitar, fato que fez com que a mãe os chamasse de contra-regras. O marido, além de patrocinador das peças, desempenha um papel fundamental na hora das apresentações: fica no andar de baixo, vendendo os bilhetes. Na hora da performance, ele recebe os clientes – geralmente amigos e conhecidos – na garagem, pintada com mensagens de espectadores. Anette conta que, quando chegam, muitos pensam que a peça será encenada ali mesmo. Surpreendem-se ao subirem e se depararem com a caixa-preta-teatro. E não é para menos: o espaço possui cenário, iluminação e camarim, como um teatro comum. Na fase de preparação também está um novo espetáculo (com estreia prevista para março) baseado no texto de Hilda Hilst: “Happeningaragem apresenta: Baladas, de Hilda Hilst”. E a retomada do repertório Os Imprestáveis, com estreia em 13 de abril. Quem quiser conferir, deve procurar a casa da atriz na Rua Silveira Rodrigues, 331, na Lapa, em São Paulo, tel. (11) 9122-8696.

Fonte:

http://casa.abril.com.br/

Anúncios

Sobre Senhoras na Moda - Vanda Panzica

Sempre gostei muito de moda e de criar ou tirar idéias para montar meu próprio look. Com a idade temos que observar mais detalhes que nos ajudem a conservar a elegância, esconder imperfeições, realçar belezas que a idade ainda não apagou, além de nos preocuparmos com looks de custos razoáveis. Senti falta de blogs direcionados à nossa faixa etária e foi então que resolvi criar este, aos 58 anos de idade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s