Inverno + Tricôt

Padrão

O tricôt, entra ano, sai ano, é sempre tendência, principalmente para nos aquecer nos dias mais frios. Mais largos, mais curtos, mais justos, mais longos, grossos, mais finos, pontos mais fechados ou abertos, não importa ele vai estar presente nesta estação. Isso me faz lembrar minha avó, com seu tricotar impecável! Fazia todas as minhas vontades. Sempre que pedia para copiar das revistas blusas lindas, ela as fazia exatamente iguais e com tanto amor e alegria em receber elogios pelo seu trabalho. Saudades!

O Inverno 2012 revisitando o passado, as décadas de 1930 e 1940, o Art Déco traz para os tricôs o brilho dos fios metalizados (ou fios “opacos” em mistura com lurex); e padrões sofisticados.

 O minimalismo, a geometria e a silhueta A, dos anos 60 estarão presentes. Daqui também saem os mini-vestidos  e túnicas para usar com legging, que se também forem de tricô formam uma confortável dupla.
Padrões ópticos e a permanencia das listras , dividem espaço com fios metalizados. Lembrando que as listras não estão apenas nos padrões, mas no próprio ponto do tricô canelado (que é aposta forte).
A aproximação com a natureza e com o artesanal, traz peças amplas e confortáveis com inspiração em índios apache e povos nórdicos. Enfatizando a proteção das vestimentas, os tricôs pesados estão em capas e ponchos. Outra aposta são os pontos abertos para criar sobreposições.
As sobreposições e modelagens irregulares, assim como os amplos, trazem também a atmosfera grunge da década de 1990. Para criar looks sobrepostos as peças são curtas ou longas, e devem aparecer também peças com falsa sobreposição (manga curta com “forro” longo, por exemplo). Efeitos destroyed e manchados entram nesse grupo.

A combinação da trama pesada com peças leves, com saias longas  e looks em cores contrastantes são as novas formas de se usar o bom e velho suéter de lã.

Dá pra usar aqueles blusões enormes como vestido, marcando a cintura com um cinto e investindo na ankle boot de salto alto. Nos dias frios, use com meia-calça grossa (para aquecer as pernas) ou peças (calça, saia, vestido) de couro, que garantem modernidade ao look. A mistura de texturas também é uma tendência!

Tipos de corpo

Se a pessoa estiver um pouco gordinha deve evitar o tricôt artesanal e com lã grossa. Se mesmo assim você gosta e pretende arriscar, a dica é usar uma básica canelada (e justa) como “base” para os tricôs pesados. Também deve evitar os decotes  redondos rente ao pescoço, preferindo o decote em V. Se for usar colete, tem que estar quatro dedos abaixo do cós da saia ou calça.

O tricô cria volume, portanto é uma boa opção para quem é magrinha e gostaria de ganhar algumas curvas.

O cachecol, além de ser uma peça-chave nos dias frios, também dá um toque charmoso e especial ao look.

E para quem consegue ficar bonita num gorro de lã (que não é o meu caso, fico horrível!!!) é um detalhe que também aquece nos dias mais frios.

 

 

 

Pesquisa:

http://manequim.abril.com.br/

http://estilo.uol.com.br/moda/

http://papofeminino.uol.com.br/

http://www.dicasemoda.com.br/

http://vogue.globo.com/moda/

http://ivylemes.com/tag/trico/

Anúncios

Sobre Senhoras na Moda - Vanda Panzica

Sempre gostei muito de moda e de criar ou tirar idéias para montar meu próprio look. Com a idade temos que observar mais detalhes que nos ajudem a conservar a elegância, esconder imperfeições, realçar belezas que a idade ainda não apagou, além de nos preocuparmos com looks de custos razoáveis. Senti falta de blogs direcionados à nossa faixa etária e foi então que resolvi criar este, aos 58 anos de idade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s