Fotografia e artes plásticas de Vik Muniz

Padrão

O artista plástico Vik Muniz usa elementos peculiares em seus trabalhos, revelando que grandes coisas podem surgir de simples elementos usados no cotidiano. Suas obras são o resultado de uma miscelânea entre as Artes Plásticas e a Fotografia.

Único filho de pai garçom e mãe telefonista, ainda adolescente, mudou-se para os Estados Unidos onde passou cinco anos vivendo de subemprego, muitas vezes dormindo na rua.

Trabalhando numa molduraria de Nova Iorque, passou a fazer quadros kitsch e produzir estranhas e incomuns esculturas que lhe abriram as portas do circuito de arte da cidade.

Serragem, açúcar, areia, papel de parede, jornais e lixo já foram usados em obras de arte por Picasso e Braque por volta de 1912 em Paris. Acrescentando novos elementos como algodão, chocolate, açúcar, arame, terra, barbante, especiarias, lixo, gel, mel, poeira e muitos outros, Vik Muniz, de uma maneira radicalmente criativa, produz obras que impressionam pela inovação e criatividade.

Alguns críticos de Arte julgam seu trabalho como sendo válido para a Arte Moderna, pois recria conceitos estéticos e estabelece novos pontos de vista diante de obras já realizadas. Outros, na contramão, o definem como um artista incompleto por tomar como base obras famosas e recriá-las de maneira diferente, sendo um desrespeito ao original.

Vik já expos seus trabalhos em vários Museus pelo mundo afora e, é hoje, um dos artistas brasileiros mais caros.


Sucata – Apresentação da novela da globo

Sucata

Sucata

Chocolate

Geleia e doce de leite

 

Peças de puzzle

Peças de puzzle


Diamantes – Musas de Hollywood – Ava Gardner

Diamantes – Musas de Hollywood – Liz Taylor

Pesquisa:

http://blogdoprodearte.blogspot.com.br/

Itaú Cultural

http://obviousmag.org/archives/

http://obviousmag.org/

Anúncios

Sobre Senhoras na Moda - Vanda Panzica

Sempre gostei muito de moda e de criar ou tirar idéias para montar meu próprio look. Com a idade temos que observar mais detalhes que nos ajudem a conservar a elegância, esconder imperfeições, realçar belezas que a idade ainda não apagou, além de nos preocuparmos com looks de custos razoáveis. Senti falta de blogs direcionados à nossa faixa etária e foi então que resolvi criar este, aos 58 anos de idade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s