Homenagem à cantora Amy Winehouse

Padrão

Amy Jade Winehouse (14 de setembro de 1983 – 23 de julho de 2011) nasceu numa área suburbana de Enfield, Londres, Inglaterra. Numa família judaica de quatro elementos com tradição musical ligada ao jazz. Seu pai, Mitchell Winehouse, era motorista de táxi e sua mãe, Janis, farmacêutica. Tinha ainda um irmão mais velho, Alex Winehouse. Cresceu no subúrbio de Southgate e estudou na instituição de ensino Ashmole School.

A triste perda de talento inquestionável  é sentida no mundo. Apesar de sua poderosa voz e seu talento, Winehouse ficou conhecida por seus escândalos em público, sua vida amorosa tumultuada, e suas apresentações bizarras no palco.

Desde tenra idade, Amy foi incentivada por sua avó a seguir sua  educação musical e toda a sua infância freqüentou escolas de teatro. Aos 13 anos  ganhou seu primeiro violão, e um ano depois começou a compor.

Teve várias experiências antes de seu grande sucesso em 2002. Em 2000 ela foi vocalista da Orquestra Nacional da Juventude de Jazz. Em seguida, assinou um contrato com a gravadora Island / Universal e causou um alvoroço terrível entre os grandes produtores musicais, que lhe deram grandes esperanças.

Seu cabelo e maquiagem do tipo Cleópatra foram inspirados por Ronnie Spector, vocalista do The Ronettes. Acompanhando sua ascensão meteórica, a aparência de Amy se tornou sua assinatura.

A carreira começou a decolar quando  chegou ao  topo das paradas no Reino Unido em 2004.  Muitas das canções têm sua influência do jazz e, quase todas foram co-escritas por Winehouse. Ela chegou a platina no Reino Unido em 2004.  Back to Black se tornou o álbum mais vendido de 2007 no Reino Unido e em 2008 ganhou o prêmio de Melhor Álbum Pop.

Ganhou um lugar no Guinness Book of Records  por ser o artista britânico com maior número de Grammys ganhos.

A dependência de drogas e álcool  atraiu a atenção da mídia em 2007, com o crescente interesse  em seu comportamento bizarro e seu casamento tumultuado com Blake Fielder,  casamento este todo baseado em drogas.

Numa entrevista  em 2010, Amy Winehouse falou sobre sua decisão de parar de usar drogas, mas no verão de 2011, teve uma recaída, que culminou em sua morte por intoxicação por álcool, na manhã de 23 de julho de 2011.

Amy Winehouse criou uma fundação em seu nome para ajudar os viciados em drogas e álcool, e evitar as mortes de jovens vulneráveis, fundação esta dirigida atualmente por seu pai.

Hoje, no aniversário de um ano de morte, fica aqui nossa homenagem a esta incrível cantora e frágil mulher, que como tantos outros se perdeu nos holofotes da fama! Que as nossas homenagens possam levar a ela nosso carinho em forma luz, para que possa estar em paz!

Pesquisa:

http://www.sonicomusica.com/

http://www.taringa.net/

Anúncios

Sobre Senhoras na Moda - Vanda Panzica

Sempre gostei muito de moda e de criar ou tirar idéias para montar meu próprio look. Com a idade temos que observar mais detalhes que nos ajudem a conservar a elegância, esconder imperfeições, realçar belezas que a idade ainda não apagou, além de nos preocuparmos com looks de custos razoáveis. Senti falta de blogs direcionados à nossa faixa etária e foi então que resolvi criar este, aos 58 anos de idade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s