Arte + Camuflagem – Emma Hack

Padrão

A arte corporal sempre existiu entre os indígenas, promovendo status às tribos onde os participantes de  rituais pintam seus corpos com cores brilhantes para uma reunião com os espíritos.

No século XX esta arte alcançou popularidade nas tatuagens, body modifications, em festas, aparições, onde mulheres podem ser vistas com o corpo todo pintado… E a arte corporal tornou-se, então, parâmetro na moda e é um dos tops de arte.

A artista australiana Emma Hack,  ficou mundialmente famosa depois que seu trabalho apareceu no clipe  da música “Somebody that  I used to know” do Gotye, com a participação de Kimbra.No clipe ela mistura papel de parede a pinturas corporais, onde a perfeita simetria chama a atenção.

Ela trabalha com pinturas corporais, fotografia e escultura, tendo começado a pintar rostos de crianças em festas infantis, além de fazer penteados e maquiar pessoas. Com mais de 21 anos de experiência, hoje é  aclamada mundialmente por suas ilustrações corporais e artes visuais.

Emma começou a explorar a idéia de camuflagem, inspirando-se na modelo icônica Veruschka , que nos anos 1960 e 70, aparece  em fotos camuflada  entre paredes rústicas e configurações naturalistas.

Veruschka

Foi durante esse tempo que Emma começou a apresentar suas imagens fotográficas de edição limitada. Seu primeiro papel de parede camuflagem levou 19 horas seguidas para a  pintura dos corpos. Os trabalhos mais recentes,  8 a 15 horas, dependendo da complexidade do projeto. Este é um processo desgastante para o artista e também para os modelos, porém os resultados são nada menos do que espetaculares.

Emma Corte arte corporal

Este não é um carro amassado, mas a criação surpreendente de Emma Hack, envolvendo 17 homens e mulheres mais 18 horas para a criação da campanha anti-excesso de velocidade da agência BBDO Clemenger.

 “Tecnicamente, é provavelmente o trabalho mais difícil que já fiz. É muito mágico como ele está virado para fora,” diz a artista.
Criação de Emma Corte envolveu 17 homens e mulheres para um MAC campanha anti-excesso de velocidade
Seu mais recente trabalho editorial no estilo Pop Art, é uma verdadeira homenagem aos artistas Roy Lichenstein e Andy Warhol.
ACK

 Pesquisa:

http://blogdakado.wordpress.com/

http://www.emmahackartist.com.au/

http://michelechristine.wordpress.com/

Sobre Senhoras na Moda - Vanda Panzica

Sempre gostei muito de moda e de criar ou tirar idéias para montar meu próprio look. Com a idade temos que observar mais detalhes que nos ajudem a conservar a elegância, esconder imperfeições, realçar belezas que a idade ainda não apagou, além de nos preocuparmos com looks de custos razoáveis. Senti falta de blogs direcionados à nossa faixa etária e foi então que resolvi criar este, aos 58 anos de idade.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s